Malhada de Pedras vive racionamento, apesar de EMBASA não informar isso a população « Malhada Online
 
Estas empresas são parceiras do Malhada Online
 
 
Estas empresas são parceiras do Malhada Online
 
Home > Notícias > Super Destaque  
Malhada de Pedras vive racionamento, apesar de EMBASA não informar isso a população
Numa época do ano como esta, em que as temperaturas chegam facilmente aos 39ºC, a população sofre ainda mais sem o precioso líquido em suas torneiras.
07/10/2021
Por:
Redação / Malhada Online
394
 

Compartilhe!

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter
2021100070822.jpg

CONTINUA DEPOIS DAS PUBLICIDADES



Desde que Malhada de Pedras começou a ser abastecida pela adutora da barragem de Cristalândia em Brumado no ano de 2013, foram raras as vezes em que a população teve um abastecimento permanente em suas residências.

Interrupções constantes para supostas manutenções, falta de pressão suficiente para abastecer reservatórios mais altos na cidade, e a total ausência de transparência e comunicação da EMBASA com a população, já são “o normal” desta empresa que presta serviço a 367 dos 417 municípios baianos.

Apesar de não informar oficialmente a população, a EMBASA está trabalhando com sistema de rodízio no fornecimento de água na cidade. Ruas chegam a ficar quase uma semana sem água nas tubulações, e a maioria da população não tem reservatórios suficientes para suprir este período. Numa época do ano como esta, em que as temperaturas chegam facilmente aos 39ºC, a população sofre ainda mais sem o precioso líquido em suas torneiras.

A realização de rodízios por empresas de abastecimento de água é comum em locais onde o nível dos reservatórios que abastecem os municípios ficam em nível crítico, o que parece não ser o problema da barragem de Cristalândia, pois o município de Brumado que é abastecido pelo mesmo reservatório não enfrenta estes problemas, o que deixa claro que trata-se de má gestão e falta de transparência da empresa com a população malhadapedrense.

O rodízio no abastecimento também seria aceito se a empresa ao menos fornecesse um calendário informando os dias e horários em que a população de cada rua seria abastecida, porém, como o malhadapedrense já sabe, a comunicação não é um ponto forte da EMBASA.

A omissão das autoridades e da população

A tempestade perfeita soa como ironia, visto que o problema é justamente a falta de água. Porém o descaso da EMBASA juntamente com a omissão das autoridades municipais e a aceitação da população desta situação que perdura há quase 8 anos, levou os malhadapedrenses a “conviverem” com a falta de água mesmo com o reservatório que abastece o município em situação confortável.

Diversas vezes, vereadores do município vão as redes sociais com fotos em frente a EMBASA dizendo buscar uma solução para o problema, porém, ou eles não são recebidos pela empresa ou são enganados com as respostas da mesma, pois o problema só continua, e a população limita-se a fazer crítica nas redes sociais ao invés de buscar judicialmente seus direitos como cidadão.
Esta empresa é parceira do Malhada Online
 
 
Estas empresas são parceiras do Malhada Online
 
 
SIGA-NOS NO FACEBOOK
 
 

Conteúdo Patrocinado

PREVISÃO DO TEMPO
 
 
PERSONALIDADES MUNICIPAIS
 
Pe. Ladislau Klener
Conheça a história do homem de fé, que viveu em prol dos necessitados.
 
Leobino Guimarães
Conheça a história da vida de um dos maiores nomes políticos do município.
 
 
Malhada On-Line - © Todos os Direitos Reservados
contato@malhadaonline.com
(77) 98831-7570